Branding – A importância do olfato no interior de lojas

15 de September de 2014 10:16 Seja o primeiro a comentar
Anúncios

Visão, tato… e agora até olfato. Pensar nos sentidos para planejar a experiência de compra em uma loja faz parte do plano de marketing das grifes mais antenadas. Algumas empresas até mandam perfumistas criarem essências próprias, com um cheiro característico, para se tornarem uma de suas marcas registradas. É o caso da brasileira Farm, em que o aroma de seus espaços físicos já virou até Home Spray a pedido das consumidoras.

Branding   A importância do olfato no interior de lojasBranding – o interior de loja da carioca Farm

Famosa rede de multimarcas americana, A Bloomingdale’s utiliza diferentes cheiros para cada departamento: o óleo de coco, por exemplo, é o aroma específico do setor de moda praia, lavanda foi eleito para o segmento de lingerie e cheirinho de talco para o setor infantil. O último também fez tanto sucesso que virou spray para casa que é vendido nas lojas da rede.

Branding   A importância do olfato no interior de lojasBranding – Na Bloomingdale’s, cada setor tem seu olfato característico

“O período de tempo que o consumidor permanece na loja é diretamente proporcional à média de vendas. Perfumes podem influenciar os consumidores a permaneceram mais tempo nas lojas e comprar mais, afirmou a CEO da Fragance Foundation Elisabeth Musmanno ao portal Bussiness of Fashion.

Branding   A importância do olfato no interior de lojasBranding – Mais do interior de loja da Bloomindale’s

Perceba que geralmente os aromas são pensados para complementar o branding da marca. Na Farm, a fragrância remete na hora à cidade do Rio Janeiro, mas sem ser exagerado. É importante que os perfumes sejam planejados para o ambiente, de maneira que não fiquem muito fortes e incomodem os visitantes.

Branding   A importância do olfato no interior de lojasBranding – Na Farm, o cheirinho característico virou até Home Spray

Ainda de acordo com Musmanno, os varejistas de moda pensam muito em relação aos outros sentidos, tais como visão e tato, e muitas vezes negligenciam o olfato. Para a especialista em fragrâncias Dawn Goldworm (que já desenvolveu para nomes como Bottega Veneta e Avon), o aroma planejado para um ambiente não pode ser exagerado, deve ser praticamente imperceptível, lembrando apenas a experiência da compra. Estudos complementam que 65% das pessoas são capazes de relembrar um cheiro mesmo depois de um ano de senti-lo, o que pode fazer com que os consumidores o associem a uma experiência de compra gratificante.

Branding   A importância do olfato no interior de lojasBranding – A loja da Farm é conhecida como uma das mais acolhedoras

Por: Marcela Leone

Fotos: Reprodução

Branding   A importância do olfato no interior de lojas

Marcela Leone

Graduada em jornalismo e moda, Marcela é apaixonada por tudo que envolva o universo da moda, beleza, comportamento e cinema. Adora cultura geek, mas só quando o assunto é tecnologia. Já atuou na Revista Estilo, Guia Jeanswear, All Lingerie, Blog do Pro e colabora com a revista World Fashion.


Tags:
Loja Fashion Bubbles